Connect with us

Famosos

Patrícia Poeta não segura e chora ao vivo no Encontro

Published

on

Patrícia Poeta
(Créditos: Reprodução/TV Globo)

As lágrimas fluíram sem controle nos olhos de Patrícia Poeta quando ela testemunhou o incansável trabalho dos voluntários. Eles se dedicavam a ajudar os moradores ilhados de Porto Alegre a permanecerem em suas casas inundadas após as chuvas devastadoras que assolaram o Rio Grande do Sul. Originária do estado, a apresentadora do Encontro, em um momento de sinceridade emocional, compartilhou sua profunda comoção diante da situação.

Com a voz trêmula, ela expressou sua consternação, afirmando que ainda estava profundamente afetada pela situação. “É muito triste testemunhar dias e dias assim, mas também é emocionante ver as pessoas se unindo em ajuda mútua. Essa demonstração de amor e solidariedade é verdadeiramente inspiradora”, declarou.

Patrícia Poeta

Patrícia Poeta

Durante o programa exibido na TV Globo, transmitido diretamente de sua terra natal na semana anterior, Patrícia prestou uma homenagem recitando um poema do renomado escritor gaúcho, Mário Quintana. “‘Abraçar é dizer com as mãos o que a boca não consegue, porque nem sempre existe palavra para expressar tudo’. Então, conterrâneos, sintam-se abraçados”, concluiu, buscando transmitir conforto e apoio em meio à adversidade.

Patrícia Poeta relembra da sua infância

No Dia das Mães, as homenagens e a esperança predominam, especialmente para aquelas que residem no Rio Grande do Sul. Patrícia Poeta, que esteve presente no estado, compartilhou em suas redes sociais uma foto de sua infância acompanhada por um texto que evoca suas experiências em Porto Alegre.

“Desde pequena, minha mãe me ensinou que eu podia alcançar tudo o que eu quisesse. Minha mãe sempre incentivou meus sonhos, mesmo os que pareciam impossíveis. Até quando decidi ir embora de Porto Alegre, para desbravar esse mundão, mesmo com todo o medo. Afinal, a partir dali ela não poderia me proteger de perto – me incentivou a ir em frente”.

A apresentadora, que cobriu a tragédia no RS e fez um relato comovente ao não conseguir ver a família, também deixou uma mensagem às mães do estado: “Um beijo para todas as mães do Brasil e um abraço muito forte para as mães gaúchas – com a esperança de que dias melhores virão”.

Advertisement

Comente com seu Facebook:

Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *